Assim elas conduzem a humanidade

Por Redação em 9 de março de 2015

Um estudo do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), realizado em 2012, revela que a parcela feminina adulta com diploma superior é de 12%, o que corresponde a 2% a mais do que os homens. Para muitos, pode parecer apenas uma constatação, mas, por trás desta estatística, há muita história para contar…

Ficou para trás o tempo em que as mulheres eram criadas para ser apenas exímias donas de casa. As habilidades culinários, de costura e boas maneiras, já não fazem parte da grade de escolas para meninas, como era antigamente. Não que deixaram de ser importantes. É que outros valores foram incorporados. O foco das mulheres passou a ser sua independência, o que resvala em seu futuro profissional. A atual geração de mulheres foi criada ocupar os mesmos espaços que o homem.

Para esta conquista, entretanto, muito esforço foi feito por gerações que nasceram pós década de 1960, quando chegou ao mercado a pílula anticoncepcional e o movimento feminista tomou fôlego. Com a maternidade sob seu controle, a mulher tomou sobre si o seu fardo e foi à luta: acumulou funções de mãe, trabalhadora, dona de casa e esposa. Em nome de seu desenvolvimento profissional, muitas vezes disse sim quando o chefe lhe pediu um relatório urgente no final do seu horário, enquanto seu desejo – e o seu direito – era dizer não.  Aceitou ganhar menos para ocupar um cargo de chefia para mostrar ao empregador que ela seria capaz de desempenhar a mesma função que o colega homem. E tratou de estudar mais para desenvolver o seu potencial.

Assim, lenta e progressivamente, aumenta o contingente de mulheres no mercado de trabalho, além de se ampliarem para o público feminino os cargos. No Brasil, elas já ocupam 45,4% da mão de obra assalariada. Na construção civil,  grande tem sido a força das mulheres: elas já são maioria as funções administrativas, o que inclui os cargos de alta gestão. Elas também invadiram os canteiros de obras. São as engenheiras, as rejuntadeiras, as pedreiras, as técnicas de segurança. A corretagem de imóveis também ganhou pastas “cor de rosa”. Segundo o Conselho Regional de Corretores de Imóveis de Goiás, em cinco anos houve um crescimento de 91,68%. Em 2010, eram 2.848 corretoras, em 2015, 5.459 estão na profissão.

E quanto ao jantar de noite? Bem, não é mais coisa do outro mundo chegar em casa e se deparar com o companheiro na cozinha; ou os dois juntos podem prepará-lo… Mesmo com todos os avanços, conquistas e inserção no mercado de trabalho, as mulheres não perderam a sua essência. O desejo de formar e cuidar de uma família continua, embora em uma nova perspectiva, de funções compartilhadas.

Enquanto a geração anterior se sacrificou muito para chegar a estas conquistas,  a grande tônica deste século XXI é a busca do equilíbrio – como a divisão de tarefas em casa com o parceiro ou a conquista de jornadas de trabalho reduzidas –  para que o exercício destas duas funções possa ser conciliado sem tanto sacrifício. Como bem resume a escritora Ruth Manus, “Nós já nos abrimos pra ganhar o mundo. Agora é o mundo tem que que se virar pra ganhar a gente de volta”.

TAGS

CADASTRE-SE E receba conteúdos exclusivos.

Por favor! Informe o seu nome.
Por favor! Informe o seu e-mail.

Ao prosseguir, você concoda com nossa Política de Privacidade.

URBAN JUNGLE, A TENDÊNCIA QUE VAI DAR MAIS VIDA PARA A SUA DECORAÇÃO

8 de janeiro de 2021

Os projetos de decoração e de construção dos ambientes internos dos lares se tornaram espelho da personalidade dos moradores, não é mesmo? Mais do que isso, o planejamento de um projeto de arquitetura residencial busca não apenas atender às demandas de espaço, mas também, proporcionar ambientes que provoquem sensações de bem-estar para os moradores. A…

KOSUSHI MIAMI: O MELHOR DA CULTURA ANCESTRAL E CONTEMPORÂNEA DO JAPÃO, CRIADA NO BRASIL, ATERRISA EM MIAMI.

8 de abril de 2020

O MELHOR DA CULTURA ANCESTRAL E CONTEMPORÂNEA DO JAPÃO, CRIADA NO BRASIL, ATERRISA EM MIAMI. A colônia de imigrantes e descendentes de japoneses de São Paulo é uma das maiores do mundo. Por isso, opções e experiências não faltam quando o assunto é a comida nipônica, que aos poucos ganhou toques brasileiros para conquistar ainda…

MORADA MÁGICA

2 de abril de 2020

MORADA MÁGICA Para um casal que vive na ponte aérea   O clássico e o contemporâneo mesclam-se neste projeto de Victor Tomé, no City Vogue Praça do Sol, para um casal que gosta de receber a família e os amigos no apartamento quando estão em Goiânia. É que durante a semana, a moradora trabalha em…